Quinta-Feira, 23 de Setembro de 2021

Estado do Pará inicia distribuição de doses de vacina para imunizar professores contra a covid-19




COMPARTILHE

O governo do Estado anunciou no início da noite desta quarta (19) que inicia na quinta (20) a distribuição de doses de vacinas contra a covid-19 com foco na imunização de professores de todo o Pará.

"A partir de amanhã [quinta, 20], começaremos a distribuir as doses de vacinas que serão destinadas aos profissionais de educação. Através de uma tratativa entre governo do Estado, Ministério Público e Sindicato dos Profissionais da Educação, vamos conseguir iniciar mais essa etapa, que também é uma estratégia para voltarmos com as aulas presenciais nas escolas do Estado", disse Helder Barbalho em suas redes sociais.

Helder Barbalho diz que a distribuição das doses das vacinas Astrazeneca começam a ser distribuídas já nesta quinta (20). Ao todo, o início de distribuição é 50 mil doses para as primeiras categorias de profissionais de educação do Ensino Infantil e do Ensino Fundamental

Helder Barbalho diz que a distribuição das doses das vacinas Astrazeneca começam a ser distribuídas já nesta quinta (20). Ao todo, o início de distribuição é de 50 mil doses, para as primeiras categorias de profissionais de educação, do Ensino Infantil e do Ensino Fundamental.

"Já estamos há um ano e dois meses com aulas suspensas, e isso é um prejuízo irreparável na vida de centenas de milhares de crianças que precisam do retorno às aulas para darem continuidade à sua formação. A meta é estabelecer o retorno às aulas com 15 dias após a vacinação", planeja o governador.

TRATATIVAS PARA O CALENDÁRIO DE VACINAÇÃO -  Na manhã da terça-feira (18), a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) participou de uma reunião com a Procuradoria Geral do Estado, Secretaria de Estado de Educação (Seduc), Ministério Público do Estado, Sindicato Estabelecimentos Particulares Ensino do Estado Pará (Sinepe) e Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Educação Pública do Estado do Pará (Sintepp).

"Para avançar nas tratativas do Plano de Vacinação dos Profissionais da Educação do Estado do Pará. Em breve teremos um plano de vacinação feito em comum acordo com todos os envolvidos", informou a Sespa, em nota, na noite da terça-feira.

O Sinepe informou que "está colaborando com a equipe do Governo do Estado, viabilizando dados e informações, trabalhando junto com a organização num esforço grande para que todos os profissionais da educação sejam vacinados".

Em matéria divulgada em seu site, o Sintepp Belém disse que, dentre as pautas da reunião, reivindicou que fosse entregue por escrito o plano de vacinação da categoria. Solicitou que, neste plano, os primeiros vacinados sejam os trabalhadores administrativos, Auxiliares de Serviços Gerais (ASG) e demais funcionários que estão obrigados ao trabalho presencial durante a pandemia, seja nas escolas ou na sede.

"Também foi ressaltado que o retorno das aulas presenciais só será possível com a imunização completa do conjunto dos trabalhadores em educação e comunidade escolar", destacou a nota da entidade que representa a classe da educação.


Autor:Redação AMZ Noticias


Comentários:
O Jornal do Carajas não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal do Carajas e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias